Modelo de aprendizagem profunda do Alibaba supera o humano no último teste

O Laboratório de Tecnologia da DAMO Academy da Alibaba, que foca no Processamento de Linguagem Natural (PNL), desenvolveu um modelo de aprendizado profundo que teve pontuação superior a um ser humano em uma tarefa de perguntas e respostas no mais recente teste de compreensão de leitura de máquina da Microsoft.

O teste MS MARCO exige que os desafiantes passem por cerca de 1.000 documentos baseados no conjunto de dados de busca Bing da Microsoft para recuperar as passagens relevantes primeiro e, em seguida, descobrir ou mesmo desenvolver as respostas certas para resolver as questões designadas.

De acordo com a empresa, a conquista revela o potencial das máquinas em entender grandes volumes de materiais complexos, além de responder perguntas complicadas na vida real. Ele diz que a tecnologia pode ser aplicada a tudo, desde chatbots inteligentes a mecanismos de busca que podem voltar com respostas diretas, em vez de links de páginas da web.

O Alibaba agora está olhando para adicionar a PNL à sua plataforma de computação em nuvem, permitindo que empresas no varejo, turismo e serviços públicos envolvam tarefas de perguntas e respostas para se beneficiar da tecnologia.

“Também estamos explorando um modelo multi-módulo que combina características de PNL, IA de fala e tradução automática”, disse o Dr. Luo Si, líder do Laboratório de Tecnologia de Idiomas Alibaba DAMO Academy. “Com esse modelo, os usuários com diferentes idiomas podem se comunicar mais livremente entre si e interagir com a máquina em tempo real, sem barreiras de idioma.”